Buscar

Notícias

Categoria: Santuário

O Batismo, Dom da Filiação Divina

"Uma voz veio do céu: Tu és meu Filho querido, eu te amo muito" (Mc 1,11).

O sacramento do Batismo celebra o nosso nascimento para a vida nova no Bom Jesus. Somos enxertados como ramos na Videira, que é Cristo Ressuscitado, e começa em nós a vida de Deus Pai, Filho e Espírito Santo. Assim como o Bom Jesus morreu e ressuscitou, assim nós também, pelo Batismo, “com Cristo morremos para o pecado e com Ele nascemos para a vida nova” (Rm 6,2-4).

Nós nos tornamos filhos de Deus no Bom Jesus, o Filho único do Pai. O Espírito Santo nos faz renascer para sermos de fato filhos no Filho e irmãos uns dos outros. A palavra Batismo significa “mergulho”, que afoga o homem velho para fazer nascer uma nova pessoa, ressuscitada com o Bom Jesus. O Batismo nos coloca dentro da comunidade Igreja, como cidadãos do Reino de Deus. Somos chamados e potencializados para viver no Amor, desde agora e por toda a eternidade.

O Batismo é um sacramento que Deus nos dá uma vez por todas. O Batismo é recebido uma só vez na vida, é uma graça que não se repete, mas deve crescer sempre. Pelo Batismo, Deus nos adota como filhos queridos e jamais volta atrás, mesmo que sejamos ingratos. É uma aliança, em que nós também nos comprometemos a respeitar todas as pessoas como filhos do mesmo Pai. Quem assume o próprio Batismo não vive em pecado, compromete-se com a Comunidade e luta para que seja respeitada em todos a dignidade de filhos de Deus.

O Batismo nos faz membros ativos do Povo de Deus. Fomos marcados por um sacramento especial para ser no mundo sacerdotes, profetas e reis, à semelhança do Bom Jesus. Somos ungidos como discípulos e apóstolos do Bom Jesus no meio da nossa sociedade. Temos de anunciar a todos que a felicidade é viver como irmãos na liberdade de filhos de Deus. E devemos ser atuantes contra o mistério da iniquidade, que se opõe à ação libertadora de Deus e ainda escraviza tantos irmãos nossos.

A Igreja católica que nos acolhe torna-se nossa mãe na fé. Devemos ser fiéis a essa Igreja, por toda a nossa vida. Ela nos prepara para o Batismo, para que seja uma celebração comunitária de fé. Por isso, é importante participar do curso de Batismo ou de outras formas de preparação, para que compreendamos bem o sentido do rito que será celebrado.

O testemunho dos pais e padrinhos é fundamental para quem foi batizado. O exemplo de fé no Bom Jesus e na sua Igreja, a participação na comunidade e nas celebrações, o interesse na educação da fé de seus filhos e afilhados são condições importantes para que os pais tenham o direito de pedir o Batismo e para a escolha dos padrinhos. Caso contrário, o Sacramento torna-se um ato mágico e supersticioso. É preciso valorizar os sinais de Deus, porque são mistérios de ternura e de amor.

Leia na Bíblia: Mt 28,18-20; Jo 15,1-4: Rm 6,3-5.

REALIZAÇÃO DE BATIZADOS NO SANTUÁRIO

INFORMAÇÕES GERAIS

Preferencialmente, cada pessoa deve ser batizada na Paróquia onde reside para que possa fazer parte da comunidade local de onde mora. Porém, compreendemos a vontade dos que desejam realizar o Batismo de seus filhos ou parentes no Santuário do Bom Jesus da Lapa.

Para que isso aconteça satisfatoriamente, é necessário cumprir algumas exigências:

  1. 1. DOCUMENTOS NECESSÁRIOS:
    • Registro de nascimento da criança.
    • Certificado do Curso de Batismo dos pais e padrinhos.
    • Autorização da Paróquia de onde a pessoa (criança ou adulto) que vai ser batizada mora.

QUANDO MARCAR A DATA DO BATISMO?

No Santuário, os Batizados são realizados todos os dias, às 11h (onze horas da manhã). As anotações podem ser feitas até, no mínimo, 1 hora antes do horário do batizado.

Para marcar o batizado, é necessário que sejam cumpridas todas as exigências acima citadas.

Eventos

Campanha

Espiritualidade

×

Próximo
evento: